Seja bem-vindo (a) a sua Neverland virtual!

Aqui você encontrará tudo sobre o anjo e homem Michael Jackson e também poderá conhecer pessoas com os mesmos gostos que você. Irá conviver e aprender muito mais sobre este artista e ser humano maravilhoso que é Michael Jackson!

Faça parte da nossa família você também! Michael Jackson não é só um cantor e sim uma filosofia de vida!

------- Equipe Neverland -------

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

[FINALIZADA] Ainda há tempo??

Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 9]

1 [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sab Jun 15 2013, 21:58

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Olá galera!!!!

Após um tempinho longe deste espaço como escritora, mas sempre passeando por aqui como Moderadora (sei que algumas não me conhecem, mas sou moderadora da seção de fics há 3 anos) e sempre estou olhando as estórias, as postagens e lendo os contos. Sou a escritora de "Um anjo volta à Terra", "Suave Criminoso" e "Do real para o sonho", todas elas estão no tópico das "Fics terminadas", quem ainda não leu as fics, leiam, vocês vão se apaixonar pelas estórias!!!

Estou escrevendo uma estória que gostaria de dividir com vocês...Dessa vez, nosso Michael não é o personagem principal nem central do conto...Ele terá apenas algumas participações, mas aposto que vocês irão gostar...Em breve, começaremos!!!

Aguardem!!!seii*



Última edição por lilianrocha em Seg Set 01 2014, 09:17, editado 4 vez(es)


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

2 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sex Jun 21 2013, 09:07

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Bem, vamos começar a estória....Peço desculpas, de antemão, se demorar um pouco nas postagens, mas não é nada, é apenas tempo disponível mesmo, por causa do trabalho e da faculdade...Mas prometo que colocarei pelo menos um capítulo novo na semana, ok???

Vamos lá.........................



AINDA HÁ TEMPO?? de LÍLIAN ROCHA é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada



Última edição por lilianrocha em Seg Jun 24 2013, 20:20, editado 3 vez(es)


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

3 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sex Jun 21 2013, 09:21

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
ainda há tempo ??

TEXTO: LÍLIAN ROCHA -2013


esta é uma obra de ficção, baseada em fatos reais. Qualquer semelhança com nomes e pessoas, poderá ser mera coincidência.....ou não?? 


2010. Lenny Alcântara estava terminando mais um dia de trabalho...Sua mesa ainda estava repleta de papéis e ela tinha feito uma grande limpeza a semana passada! Mas vida de designer de ambientes era assim mesmo, cheia de orçamentos, folders, e-mails, papéis e mais papéis! “Um dia ainda consigo acabar com toda essa papelada, eu juro!” ela pensava, enquanto tratava de organizar na bolsa, o que levaria...De repente, algo no seu monitor chamou-lhe a atenção, era um e-mail que acabava de chegar. Sorriu ao ver de quem era a mensagem... Sua prima Helena, que estava no exterior e há uns cinco anos mais ou menos, não se viam. Abriu a mensagem e leu:

“Oi Lenny! Que saudades prima...Aqui está um frio daqueles! Parece que Boston não muda nunca!! Lembrei muito de você ontem por aqui, pois fui com amigos numa feira de antiguidades e você não imagina o que encontrei...Segue no anexo...Tomara que você ria tanto quanto eu ri demais, lembrando...Beijos enormes pra você e meu gato!!! Helena”

O anexo estava lá, piscando. De repente, Lenny sentiu até um arrepio em abrir, mas...O que poderia ser tão perigoso assim num anexo? Apertando o play, entrou um chiadinho no ar e logo uma voz muito conhecida e terrivelmente marcante entrou no ar, deixando-a sem ação por instantes...Aquela melodia, aquela voz....De repente, um passado deixado pra trás há quase trinta anos voltava, com força, com angústia, com recordações que ao mesmo tempo que valiam ser lembradas, deveriam ser esquecidas para sempre...Mas Lenny não conseguira esquecer....Ainda não! Estavam tão vivas, quanto aquele som que invadia o ambiente, tantos anos depois...Parecia que ela ainda ouvia o som das fãs, a agonia dos ambientes em que estavam, a presença dele!

1985. Um grande sucesso musical invade o Brasil. É a chegada de um grupo de cinco rapazes, vindo dos EUA. O Grupo Mind! Um sucesso de público e crítica no exterior. Seus shows são sempre lotados e suas músicas tocadas sem parar em todas as rádios, com um número cada vez maior de audiência em todos os locais onde se apresentam. Seus componentes: Robby Crow, um jovem garoto, de 16 anos, dono de uma voz límpida e um timbre melodioso, que o fez ser o cantor do grupo. Gersey, 15 anos, excelente dançarino e backing vocal do grupo. Duck, 15 anos, também bailarino e backing vocal. Chris é o mais velho do grupo, tem 17 anos, é também cantor do grupo e bailarino. O mais novo e recém-chegado é o pequeno Tonny, de 13 anos. Seu sonho sempre fora fazer parte do famoso Grupo, o tendo realizado há exatos 6 meses atrás, na saída de um dos seus componentes.
 





Última edição por lilianrocha em Ter Jun 25 2013, 14:28, editado 1 vez(es)


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

4 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sex Jun 21 2013, 09:27

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Lenny Alcântara, uma jovem estudante de 16 anos, estava na casa de uma prima, Helena, filha de sua tia, ouvindo justamente as músicas do grupo que mais gostavam e fazendo planos para o show que em breve iriam. O som estava nas maiores alturas, elas gostavam bastante das músicas, Lenny era apaixonada por uma em especial “ You and I”, uma música cantada por Robby de uma maneira tão delicada, sensual e envolvente, que a deixava sonhadora. Helena gostava mais do estilo do Chris, até por ser da mesma idade do garoto, 17 anos, já sentia-se mais velha, mais experiente, que a prima. E pelo menos em relação aos garotos, já era bem mais experiente, mesmo!

- Ah, Lenny, não vejo a hora desse show chegar logo! – Helena suspirou, sentada na cama, com seu LP nas mãos. Acabara de comprar no shopping e estavam ouvindo as músicas e pensando no show que iriam no fim-de-semana que se aproximava.

- E quase que eu não encontro mais os ingressos! Puxa, abriram pras vendas logo cedo e eu cheguei lá não eram nem 8 da manhã e a fila estava imensa! O bom foi que fiquei com a Isaurinha, do cursinho, conversando, rindo com as meninas que estavam na fila...Tinha cada uma mais maluca que a outra! – E começou a rir.

- Puxa, não sabia que tinha dado trabalho pra conseguir! – Helena comentou.

- E como deu! Na hora que estávamos chegando próximo dos guichês, começou um tumulto, por que um grupo de meninas queria passar na frente das outras que já estavam lá desde cedo e aí foi aquela confusão! Mas Graças a Deus conseguiram organizar, e na minha vez, peguei correndo os nossos, coloquei na bolsa e saí rápido pro ponto de ônibus, nem vi mais a Isaurinha!

- Ahhhhhhhhhhhhhhhhh!!! – Helena gritou. – Eu AMO essa música.... O MEU Chris canta divinamente bem...... “ Oh, my Love....” – Cantarolou a melodia, fazendo Helena rir. A prima era mesmo louquinha...Ela tomava cada susto com seus repentes!

E enfim, chegara o grande dia!!! 


CONTINUA........Very Happy


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

5 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Dom Jun 23 2013, 12:42

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Terça feira estarei de volta com um capítulo fresquinho!!!Very Happy:D:D:D 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

6 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jun 25 2013, 09:41

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Vou publicar mais um pedacinho, mas......Cadê vocês, meninas??? Apareçam!!!Shocked


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

7 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jun 25 2013, 09:46

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
À noite havia chovido um pouco, mas o dia amanhecera explêndido! Um sol brilhante tomava conta de todo o universo e Lenny amanhecera com uma expectativa, uma ansiedade enorme dentro do seu coração. Enfim, iria ver o seu querido grupo, mas especialmente, iria ter a chance de ver o seu Robby de perto, de estar próxima dele, respirando o mesmo ar.. para ela, nesse momento, era tudo! A louca da Helena queria a todo custo tentar se aproximar deles, mas Lenny sabia que era praticamente impossível, elas não conheciam ninguém importante que as levassem até eles, nem do fã-clube oficial da cidade elas eram! O telefone começou a tocar.

- OI Lenny! Acorda, garota! É HOJE! É HOJE! É HOJEEEEEEEEEEEEEEE!! – Helena gritava no telefone. Lenny retrucou:

- Ei, Helena, desse jeito você vai me deixar surda! Eu sei que é hoje!!! E claro, que já estou acordada, mas calma, que desse jeito, você vai ter um treco até a hora do show!!! – Elas riram.

- Prima esse show eu não perco por nada, nem morta!!! Vem cá, você vai passar aqui que horas?

- Eu passo aí umas 2 da tarde, está bom, né, afinal o show começa 8 da noite! – Ouviu um muchocho.

- Hummm.......tá bom....eu pensei em ir antes, mas 2 horas está razoável!

- Helena....vão abrir os portões às 4 da tarde...O que vamos fazer lá se formos antes de 2 horas??? Já pensou?? – Imaginou a prima balançando a cabeça e jogando os cabelos, num gesto tipicamente dela.

- Ok, ok,ok! 2 da tarde, então! Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!! – Gritou e desligou o telefone, deixando Helena rindo, não aguentava mais essa louca!

Duas da tarde! As duas seguiam no transporte até o estádio onde seria realizado o show. A movimentação dentro do coletivo, nas ruas, era imensa, haviam muitos carros nas avenidas, parecia que a cidade iria parar, todos comentavam sobre o mesmo assunto, o show do Mind! Era o assunto do momento nos jornais, nas rádios, na televisão, ninguém mais pensava em outros assuntos naquele dia! Na chegada ao estádio, surpreenderam-se com a fila, estava imensa! Helena olhou pra Lenny com irritação e comentou:

- Está vendo? Se a gente viesse antes, não iria enfrentar essa fila! – E apontou. Lenny observou o relógio e deu de ombros.

- Ei, calma aí! Ainda estamos numa posição boa, tem mais 2 horas antes de abrirem os portões... Se obedecerem a fila, agente entra logo, senão.....  – Olhou pra prima, rindo.

- Senão.... – Repetiu Helena.

- AGENTE INVADE! – As duas gritaram, rindo, e bateram nas palmas das mãos de ambas.

E o tempo passava, ora rápido, ora lento, no ritmo da ansiedade das meninas. A fila não parava de crescer, eram fãs de todo o Estado e até de Estados vizinhos, que vinham acompanhar de perto seus ídolos, cada fã mostrando-se mais apaixonada do que a outra. A maioria ainda traziam os pais, que mostravam-se preocupados com aquela demonstração de idolatria exarcebada, mas procuravam conter suas filhas mais afoitas. Enfim, abriram-se os portões!

A correria para a entrada foi imensa, ninguém mais se preocupava com ordem na fila, só queriam passar pelos torniquetes e voar até seus lugares! As duas correram feito loucas pelas arquibancadas, procurando encontrar o melhor ponto, o melhor ângulo de onde pudessem enxergar o palco o melhor possível, pois o mesmo encontrava-se no meio do gramado do estádio, porém os melhores lugares eram na seção das cadeiras, os preços mais altos do show, mas as meninas não estavam em condições de adquiri-los, por isso compraram os ingressos das arquibancadas, sabiam que havia locais naquele espaço que dariam uma boa visão do palco. Era correr e alcançar estes locais! E conseguiram! Sentaram em um local que ficava na diagonal do palco, e como este estava totalmente aberto, teriam uma visão total até das laterais! Melhor sorte não poderiam contar!

Ao olharem para os lados, até espantaram-se da quantidade de pessoas que lotavam o estádio...E em pouco tempo, este estava totalmente lotado! Todas as direções que olhassem, havia gente demais! E as horas passavam e a ansiedade crescia cada vez mais. As meninas estavam eufóricas, cantando, dançando, fazendo novas amizades, enfim, era uma festa de confraternização, uma festa de amor, de pura energia! E a noite chegou...8 horas...Começa ou não??? A cada luz que acendia no palco, as meninas começavam a gritar...enfim, um locutor famoso de uma rádio começou a brincar com as meninas, pedindo a contagem regressiva e ...nada!

Era uma expectativa tremenda...Até o momento em que, sob os acordes de um grande sucesso do grupo, eles entraram! Foi um alvoroço que percorreu o estádio todo...A gritaria era imensa!! Mas eles estavam lá, era o grupo Mind, seus ídolos, suas paixões...Lenny não cabia em si de contentamento, parecia hipnotizada pelo seu Robby...Ele estava lindo, tão lindo quanto aparecia em seus sonhos juvenis. Helena parecia que tinha enlouquecido de vez...Não sabia se chorava, se ria, se gritava... tudo ao mesmo tempo!

Nas melodias mais românticas que ele cantava, Lenny delirava...parecia, para ela, que não havia mais ninguém ali, além deles dois! Era uma sensação incrível como ela o sentia tão perto de si...Num momento, ela gritou com tanta intensidade, tanta força nos pulmões, que coincidentemente, ele olhou em sua direção e oh! Loucura! Foi uma emoção tão grande para Lenny, ela chorou demais, as lágrimas caiam sem controle até o momento final da canção, onde logo depois entrou uma mais agitada e a euforia voltou a tomar conta de todo o local!

E assim, foi chegando ao final do show...Para muitas ali, a realização de um sonho...Para Lenny e Helena, ficava ainda um gosto de quero mais...Ainda estava pouco....Sabendo que o momento final estaria aproximando-se e eles logo sairiam do palco, resolveram correr até o final do estádio, onde dava pra entrada do gramado. Saíram correndo e ao chegarem na entrada, estava lotada de gente, muitas haviam tido a mesma idéia!


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

8 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sab Jun 29 2013, 20:21

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
- E agora, Helena, como vamos passar lá pra frente? Todas querem entrar! – Lenny falou, angustiada

- Todas querem, mas só algumas conseguem! Venha! – E Helena a puxou pela mão. Foram empurrando, se espremendo, se esbarrando até quase a entrada. Viram vários seguranças, fazendo um cordão de isolamento. Helena reconheceu um amigo no cordão, um rapaz que ela havia ficado numa festa e que, de vez em quando, encontravam-se e resolveram ser grandes amigos. Fazendo vários acenos com a mão, ela conseguiu chamar-lhe a atenção e, como ele estava mais para a ponta, fez um sinal que ela se aproximasse.

- Eu não disse que agente entraria?? Vamos! – Deu um puxão em Lenny e conseguiram chegar próximo ao rapaz. Ele fez um sinal para um outro segurança que estava mais para trás e este assumiu o seu lugar. Ele desceu do cordão de isolamento e fez sinal para que elas passassem pela lateral, onde um outro segurança deu-lhes passagem. Ela o abraçou, quando se viram livres de todo aquele aperto.

- Oh, Mauro! Que bom que você estava ali! Valeu, querido, fico te devendo esta! – Ele riu.

- Sinceramente, eu não esperava ver você nessa confusão toda, Helena, não sabia que você gostava tanto assim do Mind!! – Ele sorriu.

- Eu sou apaixonada, mas a minha prima aqui é louca!!! – Lenny a olhou, espantada.

- Ah, eu é que sou a louca?? Meu Deus!! – Todos riram. Helena lembrou.

- Mauro, onde é que ficam os camarins, podemos chegar mais perto???

- Olha, Helena, sinceramente, agente foi designado pra cobrir até aqui, mas posso ver se consigo colocar vocês mais perto. Venham.

E seguiram o soldado até próximo dos camarins, onde a movimentação de fotógrafos, repórteres, convidados, autoridades, era imensa! Havia um outro cordão de isolamento, onde Mauro conhecia a todos e falando com um deles, chamou:

- Podem vir, meninas, mas comportem-se, hein? Vocês só vão tirar fotos não é mesmo?

- Pode ter certeza, Mauro! – Helena falou e abraçando-lhe apertado, pegou Lenny pela mão e entraram correndo na direção dos camarins.

Lá dentro, a movimentação e a agitação era grande, todos queriam cumprimentar os garotos, pedir fotos, autógrafos, beijinhos e eles sorriam, agradecendo e saudando a todos, com acenos, beijinhos no ar, sorrisos. As meninas nem acreditavam que estavam ali, tão próximas a eles! De repente, Helena quase paralisa no lugar, pois Chris estava vindo em sua direção!

- Lenny...é ele, Lenny...é  ele!!- Ela balbuciava, nervosa, Lenny apertou-lhe o braço.

- Ei, veja se não vai desmaiar agora. Calma! – Ele sorriu-lhes.

- Boa noite! Prazer, sou o Chris. – E sorrindo-lhes, abraçou Lenny e ao abraçar Helena, esta desmaiou em seus braços!

- Helena...Fale, Helena, você está bem??? – Lenny tentava dar um pouco dágua a Helena, que estava deitada em um sofá no camarim, tendo ao lado um enfermeiro. Ela abriu os olhos. Levantou-se rápida, confusa, fazendo Lenny derramar o líquido do copo.

- Cadê ele, Lenny?? Eu vi, era o Chris, cadê ele?? Meu Deus!!

- Calma! Você desmaiou. Ele entrou, no salão, junto com todos...ao ver você desmaiada, chamou o grupo de saúde de plantão e afastou-se, mas pediu pra vê-la quando você acordasse...Tomara que ainda não tenham ido pro hotel!

- Não foram, estão dando uma entrevista – O enfermeiro falou. – Você está bem, garota?

- Estou...Acho que foi uma queda de pressão...Não comi nada o dia todo!

- Exato! Por isso trouxe um lanche para vocês. – O enfermeiro deu-lhes biscoitos e café-com-leite. – Alimentem-se, eu sabia que era a causa. Essas adolescentes, por causa de artistas, esquecem de tudo!  - E saiu. As meninas comeram e dali a pouco, estavam fora da enfermaria. Um rapaz aproximou-se e falou:

- Foi a senhorita que desmaiou ao ver o Chris, não é mesmo?

- Exato! – Helena o encarou, sem entender. Ele continuou:

- Venha comigo, ele pediu que a levasse assim que a senhorita estivesse melhor.

Elas seguiram o rapaz até uma outra parte, onde haviam mais camarins. Estava tendo uma pequena recepção para autoridades e convidados e eles estavam lá! Elas ficaram encantadas de vê-los tão próximos! Chris adiantou-se quando as viu.

- Olá, está melhor? – Ele perguntou, num sotaque arrastado, fazendo com que Helena derretesse num sorriso, ao pegar-lhe as mãos.

- Estou, sim, obrigada! Eu te amo, Chris! – Ele sorriu, abraçando-a. Lenny observava a cena, quando ouviu atrás de si.

- Olá, tudo bem? – Ela quase desmaia, também, ao reconhecer a voz. Ao virar-se, deu com Robby parado, estendendo a mão para ela e sorrindo.


CONTINUA......Shocked 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

9 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Dom Jun 30 2013, 22:09

JuliaBelfort

avatar
*LeitoraNova!
Continua! Very Happy

10 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Seg Jul 01 2013, 10:58

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Oi Júlia!!! Obrigada pela presença, viu??? Apareça sempre, comente e convide suas amigas do fórum pra ler também!!! Um abração. lol! 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

11 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 02 2013, 13:32

julyjackson

avatar
Super Fã Veterano
Super Fã Veterano
 Continua flor, ansiosa e curiosaaaaaaaa bjs

12 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 02 2013, 15:26

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Obaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, as meninas estão aparecendo!!!!lol! lol! lol! lol! 

Espero que vcs gostem, viu??? E comentem à vontade.... Bjssssssss

Vamos ler mais um pouco????


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

13 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 02 2013, 15:30

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
- Oh...oi! – Ela sorriu para ele, apertando-lhe as mãos...Por instantes ele ficou encarando-a, percebendo seus olhos, seu sorriso, seus cabelos...”Que menina bonita!” ele pensou. Ela também estava encantada de estar ali em frente a ele, conversando com ele...Conversando? Nem trocaram palavras! Tentou falar...

- É...foi um ótimo show, adorei, vocês são demais! – Sorriu. Ele comentou.

- Obrigado! O público brasileiro é um público bastante receptivo. Eu adorei cantar aqui!

- Estão falando bem o português! – Eles riram.

- É, nós tomamos um curso...rápido, mas deu pra pegar algumas palavras bem! Sua amiga está bem? – Ele perguntou, olhando Helena, que parecia hipnotizada ouvindo o Chris falar.

- Está, sim, foi uma...queda de pressão..ela não se alimentou o dia todo! Minha prima Helena estava muito ansiosa, por causa do Chris!

- E você, gosta assim também do Chris? – Ele perguntou, encarando-a. Ela estremeceu.

- Eu? Eu.... gosto muito dele, de todos, aliás.... mas....bem....as suas músicas, o seu jeito....me encantam mais! – Ela falou, corando. Ele sorriu, um sorriso encantador, encarando-a.

- Obrigado! Gostei muito de te conhecer....Qual seu nome?

- Lenny....Lenice Alcântara!

- Hum...Lenny...Lindo nome...bem, o meu não precisa, não é??? – Os dois riram.

- Seu nome já está gravado no meu coração! – Ela nem acreditou que havia dito aquilo. Acho que acabou pensando alto...Mas ele gostara do que ouvira. Sorriu-lhe, beijando-lhe o rosto, delicadamente. Falou:

- Vou deixar um número de telefone com você...Me liga mais tarde?

- Claro! Com prazer.... – Ele afastou-se e trouxe um pedaço de papel rabiscado. Era um autógrafo. “Lenny, linda! Com amor, Robby!” e atrás, um número. Ela ficou parada, com o papel nas mãos. Chris aproximou-se nesse instante, abraçado com Helena.

- E então, vamos às fotos?

E lá foram todos juntos, tirar fotos com os outros integrantes. Lenny não estava acreditando no que acontecia. Bastava olhar na direção de Robby para vê-lo olhando-a e sorrindo.


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

14 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 02 2013, 15:40

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
 2. capítulo


Algum tempo depois, os produtores do grupo reuniram os garotos para despedirem-se, precisavam voltar ao hotel, pois iriam embarcar no dia seguinte para uma outra cidade. Chris estava conversando com Helena e falou:

- Olha, precisamos ir, mas eu vou deixar um número de telefone contigo. Você me liga? Por volta de meia-noite já estaremos no hotel!

- Claro!!!! Nem precisava pedir... – Eles riram. Ele rabiscou o número e o entregou.

 – Este é o número do hotel em que estamos hospedados. A ligação já completa no meu quarto!

- OK! Mais tarde eu vou ligar, pode ter certeza! – E guardou o papel, como um prêmio.

Lenny já havia se despedido de Robby, que tinha voltado pra dentro do camarim, pra pegar suas coisas. O pequeno Tonny passou por elas, acenando, era muito fofo! Elas riram e dali a instantes, o grupo todo retornou para o salão, dirigindo-se à saída da área dos camarins, sendo seguidos por uma comitiva do fã-clube, até o ônibus que os levaria de volta ao hotel. As meninas foram junto, seguindo cada passo. O ônibus foi distanciando-se aos poucos, e das janelas, os garotos acenavam e soltavam beijos para as fãs que se aglomeravam para acenar-lhes, gritando e chorando. Helena acenava muito para Chris, que devolvia em sorrisos e beijos. Lenny nem acreditava que estava vendo Robby sorrir para ela e piscar-lhe aqueles olhinhos tão vivos! Foi realmente uma noite para ficar na história das garotas para sempre!

Nem sabiam dizer como voltaram para casa aquela noite! Claro que combinaram de passar a noite juntas, afinal...Teriam um telefonema muito importante para dar mais tarde...Não acreditavam ainda que realmente isso era verdade! Mas a prova estava em suas mãos, aqueles pedaços de papéis rabiscados com um autógrafo e o número!

- Ahhhh, Lenny.....Nem nos meus melhores sonhos eu poderia acreditar que isso era verdade...Eu, aqui, com um número de telefone pessoal do Chris! É muita loucura.... – Ela ria, maravilhada.

- E eu, então, do Robby?? Eu ria de suas loucuras, mas não me imaginava vivendo uma delas!! – Lenny comentou, suspirando. O sorriso de Robby a encarando não saía de seus pensamentos.

Chegaram em casa. Após tomarem um banho e lancharem, foram para o quarto, onde colocaram o disco no som e ficaram ouvindo suas músicas favoritas. O tempo custava a passar...

Enquanto isso, no hotel, os garotos chegavam em seus quartos, para tomarem banho e descansarem. A viagem no dia seguinte estava marcada para as 10 da manhã. Robby dividia seu quarto com Chris, Gersey com Duck e o pequeno Tonny ficava com Jonhy, o produtor. O restante da comitiva, composta por Brian, o coreógrafo e Mirco, o segurança pessoal do grupo, ficaram em um outro andar. Após tomarem banho, Chris comentou:

- Robby...será que as meninas vão ligar?

- Não sei....Acredito que sim! A Lenny, mesmo...acho que ela vai ligar pra mim, mas eu senti que ela é uma menina que não é aventureira, sabe?

- É, eu percebi que ela é meio tímida...A Helena não, ela é mais..ousada! – Eles riram.

- Você vai chamá-las para virem até aqui? – Robby perguntou. Chris deu de ombros.

- Posso até chamar, mas o Jonhy e o Mirco vão ficar falando, pegando no nosso pé, como sempre! “ O objetivo é o grupo, as apresentações! Não é mulher, paqueras, vocês não estão aqui pra namorar, esqueceram?” – Repetia as frases do produtor o imitando. Robby começou a rir.

- Cara, é assim mesmo...Você fez igualzinho! Ah, sabemos disso tudo, mas...será que não podemos nem conhecer umas garotas legais de vez em quando? Afinal...somos jovens, né??? Com o sangue à flor da pele! – E riu, dando um soco no ar, pra Chris.

- Claro! Precisamos de...uma festinha, de vez em quando... Mas vamos ver como agente arma, pra elas darem um jeitinho de virem nos ver... – Chris ficou pensativo.

- Mas temos que contar com a colaboração dos outros, né?? – Perguntou Robby, estalando os dedos.

-Deixe comigo...Vou falar com o Brian...Ele está me devendo um favorzinho...-Olhou para o telefone, com um ar divertido. - Liga, meninas, liga!!! – Eles riram.


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

15 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 02 2013, 22:29

JuliaBelfort

avatar
ain, q galinha esse Chri, mim n gostar...
Mais Lilian! :*

16 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Qua Jul 03 2013, 10:18

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Olá, meninas!!!


Bom, acho que tenho que explicar algumas coisas no conto: Este conto, especificamente, não é sobre o Michael...Ele terá algumas participações especiais mais adiante, mas...quem tiver na faixa dos 30, 35, irá lembrar mais nitidamente de quem homenageio no conto: O grupo Menudo, sucesso nos anos 80, entre as adolescentes brasileiras e mundiais. Foi um grupo muito importante, que influenciou uma geração de sua época, com um estrondoso sucesso comparável apenas à Beatlemania, era a Menudomania, uma explosão eufórica como jamais se vira antes, no Brasil! No youtube há diversos vídeos sobre eles, 5 rapazes de Porto Rico, que chegaram ao Brasil através de Gugu Liberato e fizeram muitos corações se apaixonarem. Era composto por Rick Martin, na época com 12 anos, Ray Reyes, Charlie Massó, Roy Rosselo (que morou muito tempo no Brasil após sair do grupo, em São Paulo) e Robby Rosa, o mais famoso, por sua voz carismática, que cantava os maiores sucessos do grupo, como a linda If you´re not here (by my side), tocada até hoje em algumas rádios. Ele, atualmente é conhecido como Draco Rosa, um cantor portoriquenho, que faz muito sucesso nas rádios de lingua hispano-americanas.


Então, voltando ao conto, ele é atemporal, ou seja, ele não tem um período cronológico apenas, ele se passa, basicamente em 3 décadas, pois a personagem central do conto, Lenny Alcântara, retorna a sua juventude, quase 30 anos atrás pra reviver a sua estória...É nesse ponto, que as leitoras que conheceram o grupo vão recordar-se e reviver junto com ela, esta época, e quem não conheceu, vai sentir pelo menos, um pouco do que foi esta inesquecível época de ouro!!!


Divirtam-se!!! E qualquer dúvida sobre a época ou o grupo, podem me mandar MP à vontade ou perguntar aqui, que responderei com o maior prazer!!! Very Happy lol! 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

17 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Qua Jul 03 2013, 11:32

julyjackson

avatar
Super Fã Veterano
Super Fã Veterano

Ahhhh eu me lembro bem, Menudo boas recordacoes.....




continua flor q ta ficando interessante...festinha, sangue a flor da pele hmmm




so no aguardo, por isso nao demore pra postar..bjo.


18 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Qui Jul 04 2013, 10:41

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Hummmmmm vou postar mais um pedacinho....Vcs merecem!!!!Razz Razz


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

19 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Qui Jul 04 2013, 10:45

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Na casa de Helena, elas estavam ansiosas. Já eram 12:30 da madrugada. Torcendo as mãos, Helena foi a primeira a ligar. O telefone tocou 2 vezes e ela ouviu a tão querida voz:
- Olá! É o Chris. – Sorriu e respondeu, nervosa.
- Oi, Chris, é a Helena! Está vendo, estou ligando, como prometi!
- Que bom, minha querida. E então, você gostou mesmo do nosso show?
-Claro!!! Há muito tempo que desejo ver o show de vocês...Sou muito fã!!! Especialmente....de você! – Ela sorriu. Ouviu ele rir também e respondeu carinhoso.
- Olha, você sabe que nós já iremos embora amanhã...Teria como você vir passar este resto de noite aqui comigo?  - Ela encarou Lenny surpresa, confusa.
- Como?? Passar a noite aí...com você? Mas, como, os seguranças... – Ele a interrompeu.
- Estou armando um plano aqui pra você vir, com sua prima...Vocês viriam?
Ela realmente estava surpresa, confusa, não sabia o que responder. Tapou o fone e falou com Lenny.
 – Ele está nos chamando pra passar a noite lá!!! O que eu respondo??
- Não sei!! Ainda não falei com Robby...Será que ele também quer que eu vá??
Elas se entreolharam, sem saber o que falar. Claro que desejavam ir, mas...até onde aquela loucura poderia levá-las? Não queriam uma aventura qualquer...Mesmo com celebridades do momento, mas eram garotas de família! Não eram qualquer uma à-toa!
- Ah, dane-se! – Gritou Helena e falou: - Ok, Chris, pode me esperar, eu vou, sim! – Falou, decidida, rindo. Ele combinou.
- Ótimo! Então daqui a duas horas, certo? Avisa a sua prima que o Robby quer falar com ela, ok? -  Helena fez sinal para Lenny.
- Já está avisada! Um beijo enorme pra você! – E desligaram.
Elas estavam atônitas. O que fazer? Lenny comentou com Helena.
- Você vai, Helena, mesmo? – A outra a encarou, rindo.
- Claro! Vou perder uma oportunidade dessas? Justo com o Chris? Nem morta! Vou me arrumar... Ah, a gente vai ter a madrugada toda pra conversar, trocar uns beijinhos...nada de mais! – Ela falava, divertida. Lenny resolveu ser direta.
- E se ele quiser algo mais? – A outra a encarou pelo espelho.
- Poderemos conversar...e aí.... – Deixou o suspense no ar.  – Anda, não quer falar com o Robby?
Lenny ligou. Na terceira chamada, Robby atendeu. Fez uma certa voz de sono.
- OI, é o Robby! – Lenny ficou meio desconcertada, parecia que sua garganta estava travando.
- OI...é Lenny! Desculpa, te acordei?? Posso desligar e... – Ele a interrompeu, carinhoso.
- Não, que nada! Não estava dormindo... na verdade, estava lendo um pouco, sobre algumas cidades brasileiras... Um guia, sabe?
- Sei, sim! – Ela riu. Ele continuou:
- Você sabe que o Chris chamou sua prima para vir até aqui. Você vem com ela?
- Eu...quero muito, mas... – Interrompeu, sem saber direito o que falar.
- Mas o quê? Está com medo de alguma coisa? – Ele foi meio direto.
- Não... na verdade, estou, sim...Estou com medo de como você possa interpretar esta minha ida até aí! – Helena fez cara de “não acredito no que ouvi.” Atirou um travesseiro na prima.
- Interpretar? Como assim? – Ele não entendeu.
- É... sabe, eu não sou uma menina...aventureira, digamos assim...Eu... – Ele a interrompeu.
- Por favor, não interprete mal, você! Eu estou querendo conhecê-la melhor, só isso! – Ela corou, envergonhada. Sentiu que ele ficara desconcertado.
- Desculpa, Robby... eu...entendi, sim, e claro que vou! – Sorriu, para deixá-lo à vontade.
Combinaram o horário e duas horas depois elas estavam na portaria do hotel. Como devia um pequeno favor a Robby, Brian, depois de vários conselhos de irmão mais velho, chamou Jonhy em seu quarto, alegando que tinham que repassar algumas coreografias e detalhes que não estavam ficando muito bom nos shows e o outro foi, resmungando, mas deixando Tonny com Gersey e Duck. Para ele, Chris e Robby já estavam dormindo há muito tempo. 

Elas subiram, auxiliadas por um rapaz da recepção que Brian havia comunicado e foram até o andar. Eles estavam juntos, quando as receberam, porém, Chris pediu a Helena que entrasse e Robby pegou Lenny pelo braço, levando-a ao quarto ao lado, que era o de Gersey e Duck. Eles entraram e fecharam a porta.
Lenny ficou observando o quarto. Tentava não pensar muito na presença que sentia logo ali, bem próximo. Não queria agir levada por um impulso emocional...Não haveria um depois, haveria? E uma noite só não bastava para levar o resto da vida arrependida...Poderia se arrepender! E aí...seria tarde...Sentiu-o chegar bem perto e falar:
- Lenny...Você quer alguma coisa, um refrigerante, uma água? – estava sendo gentil. Ela virou-se e o observou...Era ele mesmo! Como ela desejara viver este momento...E ele estava acontecendo ali, na sua frente! Ela estava num quarto de hotel, conversando com Robby Crow, hoje o cantor mais adorado pelas adolescentes do mundo todo! Que coisa mais surreal...E ela ali, sem saber o que dizer, o que fazer...Simplesmente, com medo!!! Dela mesma, dele...de tudo! Tentou ficar mais natural, afinal, ninguém ali seria forçado a nada.
- Eu...aceito uma água, sim! – E sorriu. Ele virou-se, foi até o frigobar e pegou duas garrafas pet de água. Deu uma a ela e abriu a outra, virando-a na boca. Fechou os olhos, sentindo o líquido refrescar a garganta. Por fim, encarou-a e falou, rindo:
- Você parece um coelhinho assustado. Ei, eu não sou o lobo mau não, não mordo! – Riram.
- Desculpa...Na verdade, eu...estou estranhando tudo, sabe...Até esta manhã você era um sonho quase inatingível...E agora, olha onde estou...No seu quarto, em um hotel! Não é um pouco estranho demais?? – Eles riram. Ele aproximou-se e tocou-lhe o rosto.
- Mas as melhores coisas da vida são assim, não é mesmo, inesperadas! Eu, quando te vi no setor dos camarins, achei que você era irreal...Parecia uma fadinha, perdida ali, no meio da multidão toda. Adorei seu jeito de sorrir, de cara! E fiquei mais encantado ainda com este jeitinho tímido que você tem! – Ela estava hipnotizada com a forma com que ele a olhava.
Lentamente, ele aproximou-se, encarando-a e beijaram-se, de forma lenta, no começo, sentindo o gosto de seus lábios, até que ele foi aprofundando o beijo, deixando-a com uma sensação de flutuar, nunca imaginaria em seus sonhos como era gostoso o beijo dele!
Separaram-se, mas não conseguiam desviar o olhar um do outro. Lenny sorria-lhe, tentando encontrar alguma palavra para falar, mas ele a interrompeu, beijando-lhe os lábios novamente, enquanto acariciava os seus cabelos. Lentamente, foram caminhando na direção da cama, que estava bem próxima. Robby deitou-a, com cuidado, sem parar de beijá-la. Quando Lenny deu-se conta, ele já estava procurando o feicho de sua blusa, para puxá-la. Ela então, segurou-lhe as mãos, parando-o. Ele encarou-a, franzindo a testa e perguntou.
- O que houve? Machuquei você? – Ela tentou levantar-se e sentou na cama.
- Desculpa, Robby....Eu....não posso fazer isso..não assim! Por favor, entenda!
Ele sentou-se, passando as mãos pelo cabelo...Seu corpo todo agitava-se por dentro, por tudo o que acontecera naquele momento. Encarou Lenny, tentando sorrir e comentou:
- Eu imaginei que você queria tanto quanto eu! – Ela desviou o olhar.
- Eu gostaria muito, pode acreditar...se eu já tivesse vivido alguma experiência! – Ele a encarou.
- Você....ainda é virgem!? – Ele parecia não acreditar.
- Eu vou fazer 16 anos, Robby...Sou uma garota tímida, estudante, não sou de festinhas e bailinhos da vida! Moro só, desde os 15 anos, meus pais moram longe e são separados. Acompanhei muitas brigas e prometi a mim mesma que a minha estória seria diferente da minha mãe, que casou aos 13 anos porque engravidou do meu pai, que também era um garoto, com 15 anos! Desde então, eu só tive um namorado, mas era mais nova ainda, com 14 anos e não permiti que ele fosse além de abraços e beijos. Ele não entendeu e preferiu terminar. Sei que os tempos são outros, que a juventude está mais liberal, mas ainda não é o meu momento, entende? Você é um artista, hoje está aqui, amanhã pode estar do outro lado do mundo...E eu? Estarei aqui sozinha! O que acontecer, será responsabilidade minha...E será que já estou preparada para arcar com todas as responsabilidades? Com certeza, ainda não!
Ele a escutava, sem conseguir acreditar...Em seu País de origem, era muito difícil encontrar garotas acima dos 15, 16 anos sem nenhuma experiência sexual. Já era a época das High Schools, escolas secundaristas, então era bem mais fácil envolver-se com alguém e acabar transando, era muito comum...mas parece que no Brasil as coisas eram diferentes... tentou achar alguma coisa pra falar, pra quebrar a sensação de desconforto de ambos.
- Tudo bem, Lenny...Eu agi por impulso, também pelo costume de meu País, onde nessa idade, as garotas já tem algum tipo de experiência...Desculpa, eu entendo você! Mas saiba que fiquei mais encantado ainda com você, sabe? E gostaria muito se as coisas fossem diferentes e eu pudesse ficar aqui com você! Mas, infelizmente, nossas vidas tem rumos muito diferentes!
- É por isso! Você tem sua vida, sua carreira, eu só tenho a mim mesma! Não posso estar presa a nada agora, que me impeça de crescer! De estudar, trabalhar...
Ele abraçou-a e procurou calar-lhe com um beijo, porém, mais terno, mais controlado. Sabia que não passariam disso naquela noite, mas...havia adorado conhecer aquela garota tímida, risonha, doce e ainda virgem! Ficaram ainda conversando por um bom tempo, deitados na cama, trocando carinhos, confidências, beijinhos...e amanhecera. Dali a pouco, separariam-se, ele iria embora...Ainda tornariam a se ver?? Pelo menos, pensava Lenny, ela não seria apenas mais uma no caderninho dele, em que ele não lembraria mais nem o nome...
Sete da manhã. Robby saiu do quarto com Lenny, as meninas precisavam sair do hotel antes de Jonhy vir acordá-los. A porta do quarto ao lado ainda estava trancada, fazendo Lenny entender que a noite fora muito...interessante, para sua prima!
- Chris, abra a porta, está na hora! – Robby gritou, batendo na porta. A porta abriu-se, revelando um Chris com ar de sono, os cabelos totalmente em desalinhos.
- Bom dia! Já acordaram?? Estou morrendo de sono! – E bocejou, fazendo Robby se irritar.
- Cara! O Jonhy já deve estar acordando, esqueceu? As meninas tem que ir embora, agora!
- Ei, calma! Elas já vão! Vou acordar a Heleninha... – E tornou a entrar. Robby e Lenny se olharam, rindo.
- É, parece que a noite deles foi muito boa, não é mesmo? – Ele perguntou, sorrindo.
- É...mais uma vez, desculpa pela nossa não ter sido da maneira como você esperava... – Ele deu-lhe um rápido beijo.
- Foi maravilhosa da maneira que foi! Não tem nada do que se desculpar...Eu adorei ficar com você a noite toda! – E tornou a beijá-la. A porta se abriu e saíram, Helena e Chris, abraçados. Ao verem os dois, aplaudiram, fazendo barulho, o que Robby reclamou, pra não chamarem a atenção!
- Bem, está na hora, meninas, infelizmente, vocês terão que partir agora! – Falou Chris, fazendo um ar receoso. Helena tornou a abraçá-lo, falando:
- Foi a melhor noite da minha vida! Quando poderemos repeti-la? – Ele riu, jogando a cabeça pra trás.

- Não faço a menor idéia, minha querida, mas quem sabe um dia? – Ele sorrira, dando um beijo rápido. Aquela resposta fez Lenny pensar, era justamente aquilo que ela não desejaria ouvir, se tivesse feito amor com Robby durante a noite.


Continua......

 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

20 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Seg Jul 08 2013, 10:51

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
As duas despediram-se dos garotos, prometendo que sempre ligariam, para manterem contato, até quando fosse possível para eles voltarem à mesma cidade. Saíram do hotel radiantes. Helena não parava de falar sobre a “noite mais maravilhosa de toda a sua vida”.


- Menina, o Chris é demais...Não tem adjetivos para ele, Lenny...Que homem! Como ele sabe fazer uma mulher delirar....Ahhhhhhhh, eu quero mais!!!! – Ela falou nisso o tempo todo..Lenny mal ouvia, estava com os pensamentos voltados para Robby...Como se encantara ainda mais com ele, por ter sido tão gentil, tão carinhoso, tão compreensivo! Agora, mais do que nunca, estava sentindo-se completamente apaixonada por ele...
Chegaram em casa quase 10 da manhã, o mesmo horário em que provavelmente eles estariam no aeroporto, aguardando o vôo que os levaria a outra cidade. Nisso, o telefone toca. Lenny atendeu.
- Alô, é a Lenny! – A voz que ouviu do outro lado da linha fez seu coração disparar.
- Só queria te ouvir mais uma vez, antes de dizer bye, bye, não é adeus! – Robby falou, de um jeito apaixonado.
- Adorei você ter ligado...Não, nunca diga adeus... Até breve, até algum dia, soa melhor, dá mais esperança de te rever logo! – Ela riu, pra disfarçar as lágrimas.
- Então...até breve, minha fadinha! – Eles riram com o apelido carinhoso. E desligaram. Somente aí ela deu vazão as lágrimas que teimavam em cair. E lá se foi, ouvir sua música favorita, que agora mais significado tinha em sua vida.
- Ei, posso saber por quê o choro? – Helena saia do banho, enrolando os cabelos com a toalha.
- Robby acabou de me ligar, pra se despedir...Estavam no aeroporto! –  Ouviu Helena suspirar.
- Pois é...O sonho acabou agora, né??? De volta à vida real... Fazer o quê? Pelo menos você aproveitou a sua noite? – Ela encarou a prima, que corou, aí ela meneou a cabeça, desenrolando os cabelos. – Não acredito! Vocês não fizeram nada a noite toda? Lenny!
- Não podia, Helena! Eu não iria conseguir, você sabe!
- Tá! Você vai ficar guardando este troféu aí até quando? Até quando o príncipe encantando, montado no cavalo branco chegar? Ora, Lenny! – Ela ficava exasperada com a falta de iniciativa da prima, vejam só, deixar passar uma oportunidade daquelas!
- Eu não sou e nunca serei desse jeito...pragmático, Helena! Eles estão indo embora....que seria de mim hoje, quando olhasse no espelho? E se tivesse alguma consequência?
- Você veria a mesma Lenny de sempre...E pras consequências, meu bem, existem preservativos...Ah, deixa pra lá, Lenny... Agora, já passou...Quem sabe um dia, né??? Vou preparar um café reforçado pra nós duas...Quer ir à praia?
- Não, eu não estou com vontade! – Na verdade ela queria ficar sozinha em casa, pensando em tudo o que acontecera. Não estava com disposição para sair pra lugar nenhum.
Algumas semanas passaram voando. Lenny precisava fazer algumas economias e decidiu passar uma temporada morando com a prima e Helena adorou a idéia! Elas estavam sempre saindo juntas, iam ao shopping, ao mercado, à praia e os dias de férias do cursinho estavam finalizando. Em breve, as aulas recomeçariam. No final da semana, na sexta-feira, estavam olhando uma vitrine, quando a reportagem da TV próxima na ala de alimentação, chamou-lhes a atenção. Dizia a repórter:
- O famoso Grupo Mind, que fez um estrondoso sucesso em nossa cidade, volta este fim-de-semana para um último show no nosso Estado, na cidade de Pinheiro, próximo aqui da Capital. O show será no domingo às 5 da tarde. Boa noite!
As duas se entreolharam. Helena colocou as mãos na cabeça.
- Lenny! Eles vão estar aqui pertinho! Nós temos que ir até lá! Ah, eu preciso ver o Chris novamente! Meu Deus, vamos aqui!! – E saiu puxando Lenny, que nem teve oportunidade de falar...Mas ela estava ansiosa... Será que daria para ver Robby novamente?
Entraram numa agência de viagens, para verem o valor de uma passagem pra cidade de Pinheiro... Como imaginavam, não era cara e resolveram comprar, para o domingo, marcando a volta para a segunda. Como seria o retorno das aulas, não custaria nada perder o primeiro dia! E assim, felizes com a chance de reverem seus ídolos novamente, voltaram para casa.
Os garotos estavam num quarto de hotel arrumando as bagagens para irem a uma cidade próxima, para mais um show da excursão no Brasil. Apesar de gostarem bastante das viagens, dos locais, das multidões de fãs, aquela vida agitada também era cansativa e às vezes eles sentiam falta de estarem em casa, descansando, com suas famílias, mas eram os ossos do ofício, afinal eles não queriam ser famosos, fazendo parte daquele grupo?
Robby estava pensativo em sua cama, quando Chris o encontrou. Chamando a atenção do amigo, perguntou:
- Ei cara, tá sonhando com o quê? – Ele apenas sorriu.
- Estava pensando na Lenny, sabe?? Algo me fez lembrar dela...Tão linda e tão tímida... – Deu um meio sorriso. Chris sentou-se em sua cama.
- Também estou com saudades da Helena...Rapaz, há muito tempo que não conheço uma garota assim, tão quente, tão..explosiva! Meu Deus! – Ele sorriu, jogando um travesseiro em Robby – Por que você me fez lembrar disso agora?
- Ora! Quem estava lembrando da fadinha fui eu, tenho culpa se você lembrou da garota? Queria ter a chance de vê-la novamente... – Ficou pensativo.
- Bem...a cidade que vamos agora fica pertinho da cidade delas...Quem sabe não aparecem?? Podemos tentar telefonar quando chegarmos...
- Não sei... Já chegaremos perto do horário do show...Acho que não haverá tempo...Mas, pelo menos tentaremos ligar!


CONTINUA...............

 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

21 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Seg Jul 08 2013, 10:55

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
 Kd vcs meninas????Shocked Shocked Shocked


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

22 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Seg Jul 08 2013, 23:12

ReginaJackson

avatar
Fã Máximo
Fã Máximo
Depois de meses afastada do forum por ''esquecimento'' no login, estou tentando me atualizar...smile1

23 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Seg Jul 15 2013, 08:59

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
E assim chegou o domingo. Cedo, Helena e Lenny já estavam na rodoviária da cidade, esperando o ônibus pra cidade de Pinheiro. Às 9 da manhã embarcaram e 11:30, chegaram à cidade. Procuraram uma pousada pra ficarem até a hora do show. Almoçaram e foram procurar o local, para comprar os ingressos. Também já havia uma fila enorme!
O estádio era espaçoso, mas bem menor do que o da Capital, claro, porém, via-se pela fila que o show seria lotado! Conseguiram comprar os ingressos às 3:30 da tarde e entraram. O show estava marcado para às 5:00, mas pelo que viram, atrasaria...A fila lá fora ainda estava grande! Quase 6 da noite e...nada! Elas haviam conseguido um bom local, próximo do palco, no gramado. O local estava meio apertado, mas valia o sacrifício, o esforço...Iriam revê-los, já compensava...E ainda iriam tentar encontrá-los após o show!
Sete da noite! Enfim, começa o espetáculo! A mesma euforia, as mesmas emoções, eles eletrizantes no palco! Para Lenny, Robby mais bonito ainda, para Helena, Chris estava mais encantador, mais especial. Eles estavam concentrados no show, mas num determinado momento, quando Robby estava cantando “You and I”, seus olhos localizaram, no meio da multidão, uma pequena “fada”, que o fez ficar emocionado. Não imaginaria que a encontraria ali, no meio daquela multidão! Feliz, cantou a canção com mais empolgação, mais carinho ainda, a encarando. Lenny somente sorria, sabia que ele a tinha visto e cantava em especial para ela! Robby fez um sinal para Chris, mostrando as meninas, o que fez com que ele ficasse muito alegre também, iria rever Helena!
E chega o final do show! As meninas correm em direção ao fundo do palco, encontram uma barreira de seguranças, que as impedem de aproximarem-se mais, porém, um rapaz as localiza e faz sinal, para que elas fossem para o outro lado do palco. Era Mirco, o segurança pessoal dos garotos, que tinham pedido a ele que trouxesse as garotas para o camarim. E assim, elas conseguiram atravessar a segurança e seguiram para ver os rapazes já no camarim.
A mesma recepção de todas as vezes, com as autoridades da cidade, a imprensa local, o fã-clube da região, autógrafos, beijinhos, fotos e mais fotos! Por fim, conseguiram aproximar-se. Robby não acreditava em vê-la tão próxima de si!
- Oi, fadinha! Que bom te encontrar aqui! – E a abraçou, apertado. Lenny sentia-se extasiada naqueles braços, sentindo-lhe o perfume dos cabelos macios.
- Oi, Robby! Estava morrendo de saudades...Foi um lindo show!
Helena e Chris também estavam matando as saudades...Pareciam alheios a tudo, os dois. Gersey aproximou-se de Lenny.
- Olá! E então, gostou do show? – Robby ficou encarando o companheiro, com ar divertido.
- Gostei, Gersey, gosto muito do grupo, desde que vocês “invadiram” o Brasil, há um ano atrás! – Ela comentou, rindo.
- Mas pelo que vejo, o seu “preferido” é o Robby, aqui! – Falou, dando um tapinha no garoto. Ela sorriu, tímida.
- Digamos que ele...encanta a gente, com sua voz! – E piscou-lhe.
- Hum...só com a voz, né?? – Ele retrucou, rindo. – Não vale a minha dança, o meu estilo, nada! – Todos riram.Tonny aproximou-se. Lenny comentou:
- E esse fofo aí? Tonny, você dança e canta muito bem, viu?
- Obrigado! – Ele ainda estava tímido com o assédio das fãs. Ainda era um garotinho, aprendendo a conviver com a fama.
Duck estava do outro lado, atendendo a pedidos de várias fãs que queriam tirar fotos.
 
Por fim, o produtor começou a chamar os garotos, precisavam voltar ao hotel. Iriam embarcar na manhã seguinte, logo cedo, de volta aos EUA. A excursão no Brasil estava terminando ali. Depois seguiriam por vários países até o final do ano. Aquela noite seria diferente para os nossos amigos...seria decisiva!
Combinaram com as meninas de encontrarem-se no hotel. Elas seguiriam até lá e esperariam nas proximidades até um sinal deles. Assim foi. Elas esperaram uma hora, mais ou menos, até que o mesmo segurança do show, Sr. Mirco, apareceu e as levou até o hotel.
Entraram pela parte de trás e seguiram, disfarçadamente, ao andar que eles estavam. Jonhy, o produtor, estava reunido com Brian, acertando detalhes da próxima excursão, para ele, os meninos já estava dormindo. Mais uma vez, Gersey, Tonny e Duck ficaram juntos e Robby e Lenny, Chris e Helena ficaram em quartos separados. Robby abraçou Lenny, com carinho. Comentou:
-Sabe que senti muito sua falta, essas semanas, desde que a conheci, naquele show? Estive pensando muito em você...! – Ela ficou surpresa.
- Foi mesmo? Também ficava pensando em quando seria que iria te rever novamente! – Ela suspirou. Ele a beijou, com carinho, com ânsia. Pararam, respirando fundo. Sorriram, demonstrando ansiedade.
- Eu não posso te prometer muita coisa, Lenny, minha vida é muito agitada, não temos parada, você sabe, as excursões, o meu trabalho...Mas quero muito ter você em minha vida... Você aceitaria em namorar comigo?
Ela ficou bastante surpresa e emocionada... Não estava acreditando...
- Namorar? Meu Deus, claro que eu aceito, que eu quero! Mas...como, Robby? Você distante, em tantos lugares....Eu, minha vida no Brasil...Como poderíamos fazer? – Encarou-o, com os olhos lacrimosos.
- Não sei....não tenho idéia....O único jeito seria se você acompanhasse as viagens, fizesse parte das excursões! – Um plano maluco começou a passar por sua cabeça.
- Meu Deus, que loucura! – Ela exclamou. - Como isso poderia ser possível? O produtor de vocês jamais permitiria! – As lágrimas teimavam em chegar-lhe aos olhos. Depois de um pedido daqueles, encarar a realidade era uma barra! Ele a olhou com um carinho, uma ternura indescritível e falou:
- Vamos tentar, minha fadinha, vamos tentar ficar juntos, confie em mim!
E a beijou com todo calor e ânsia. A cada carícia, a cada beijo mais profundo, Lenny sentia-se cada vez mais solta em seus braços. Não o impediu quando ele tentou uma carícia mais ousada, deixando-o livre para outras tentativas, o que ele tratou de aproveitar e acabou livrando-a de sua blusa.
Ela o encarou com um jeito medroso e ele sorriu-lhe, transmitindo confiança e tornou a beijá-la. Com suas mãos, passeava por todo o seu corpo, apertando, acariciando-a, arrepiando-a por inteiro. Lenny delirava de paixão, já totalmente entregue, livre de todos os medos e acabou decidindo ali, naquele momento, que seria dele, deixaria acontecer, sem pensar em mais nada...Percebeu quando ele recuou um pouco e procurou algo num móvel próximo e olhando por sobre seus ombros, viu-o rasgar uma caixinha de preservativos e colocou no seu corpo.
Apenas se olhavam! Palavras não eram necessárias, ninguém ali pensava em recuar, ela sabia, pelo olhar dele que não precisaria ter medo, o que estava acontecendo era com permissão de ambos, não havia nada forçado, nem iludido! Toda a realidade estava ali presente, mas eles queriam, precisavam viver aquele momento, aquela ilusão que os queimava por dentro, que precisava de um alívio, e a única forma era aquela: amando-se!
Lenny gemeu alto, quando sentiu que ele a penetrava, lentamente, mas com ânsia, com uma investida certeira que a machucou um pouco, fazendo-a sentir-se desconfortável, mas ele logo a abraçou, trazendo-a mais para si, fazendo, com sua boca, com que ela esquecesse a dor e se concentrasse nos carinhos, nas carícias, nas sensações. E, lentamente, foi dançando junto com ela, a coreografia do amor, que a fez ver estrelas, ao delirarem de paixão.
A manhã chegou. Lenny acordou, sentindo-se estranha...Onde estava? Aí lembrou-se de tudo..Olhou ao redor e...
- Robby? Você está aí? Robby! – Chamou-o e ele não respondeu. Ela levantou-se e olhou no quarto todo...Ele não estava, havia saído...Para onde? E sem nenhum recado? Como ela iria sair? E Helena, onde estaria? Olhou o relógio...Quase 8 da manhã! Começou a se arrumar...Iriam perder o ônibus. Abriu a porta, o corredor estava deserto. Bateu na porta do quarto ao lado. Chris atendeu, com cara de sono.
- Ah...Oi, Lenny! Acordou cedo, hein!! – Ele segurou a porta.
- Chris...Você viu o Robby? Ele sumiu do quarto..E a Helena, acordou? Temos que ir! O nosso ônibus, agente vai perder!
- Não, não vi o Robby...Heleninha, a Lenny está chamando... – Helena apareceu na porta, já pronta.
- Oi! Vamos, sim...estava avisando a este teimoso que eu já tinha que ir. – Ele a agarrou e beijou. Separaram-se, ela dando tapinhas nele. – Até breve, meu amor! – E saiu, quase puxando Lenny. Esta olhou para Chris e falou:
- Diz ao Robby que....esquece! Se ele resolveu sair antes de eu acordar, é por que não queria ouvir o que eu tinha pra dizer! Até um dia, Chris!
- Ok, Lenny! – Ele acenou com a mão e elas saíram.
Na rua, caminhando, Lenny sentia-se perdida...Tivera uma noite de sonhos, perfeita e no dia seguinte...Ele sai sem dizer nada, sem um bilhete, que fosse? Para onde teria ido? Por que fugira? Ela não iria cobrar nada...Ele deve ter-se arrependido de ter pedido para namorar com ele...Mas tudo bem, ela iria levar a sua vida, sem precisar dele em nada. Um dia, teria forças pra esquecer de vez aquela noite...Um dia....
- Porquê está tão calada, Lenny? O que houve? – Ela nem tinha reparado que Helena estava tão eufórica, a seu lado, contando as novidades...Com um ar tristonho, respondeu:
- Nada....Nós...tivemos a nossa noite, Helena! – A prima a encarou, surpresa, fazendo-as pararem na calçada, mas Lenny continuou, sem dar-lhe chance de começar a falar. - Mas hoje, ele simplesmente sumiu, sem falar nada... – E calou-se, sentindo as lágrimas caindo.
- Prima! Você finalmente se decidiu? Deixou acontecer? Meu Deus, o que foi  isso...Estou pasma! – Viu a prima tão tristonha, que a abraçou. -  Ei, calma! Vai ver que ele precisou sair, pra tapear um pouco aquele produtor, foi isso! E na nossa pressa, não deu tempo dele voltar! Você acha que ele faria isso com você, somente por uma noite? Vocês estavam bem, antes?
- Claro! Ele até me pediu pra namorar, sabe? Disse que ia dar um jeito de me levar nas excursões do grupo, até! – Ela estava sem entender. Será que a hipótese da prima estava certa?
- Olha, quando chegarmos a rodoviária, você vai ligar pro hotel e falar com ele, ok? – E chegaram na pousada, pra pegar as sacolas, seguindo pra rodoviária.
Pararam perto de um telefone público e Helena discou para o hotel.
- Olha, eu preciso falar com o Chris...Sou da produção dos shows – Mentiu, piscando para Lenny. - Ok, então com o Sr. Mircus, por favor! Sr. Mircus? Helena! Poderia falar com o Chris, este rapaz não permitiu! Obrigada.... Oi, meu amor! Já estamos na rodoviária. Cadê o Robby, apareceu? A Lenny está aqui angustiada. Oh, está bem...Mil beijos, agente se vê, bye! Toma, Lenny! Seu Robby está na linha! – Passou-lhe o fone.
- Lenny? O que houve, por quê você saiu sem me falar nada? – Ele perguntou, num tom de voz ansioso.
- Por quê você sumiu, sem avisar nada, sem deixar um recado? Eu pensei que... – A voz sumiu.
- Pensou milhões de coisas erradas, não foi mesmo? Eu saí porque precisava falar com o Jonhy...Ele esteve na porta do quarto e nos viu....Quebrei uma regra importante do nosso contrato e tive que ir conversar com ele...Foi uma conversa difícil, demorada, estressante para ambos e quando retornei pro quarto...Você já havia saído...Ainda sobrou sermão pro Chris, porquê assim que soube, ele foi conversar com Jonhy sobre ele e Helena, também. Eu gostaria que você entendesse e me desculpasse ter saído assim, mas era preciso! Por favor, não pense que esta noite não significou nada para mim...Foi muito especial tudo o que aconteceu e eu vou fazer de tudo para que agente possa estar juntos o mais depressa possível, você acredita em mim?
- Acredito, sim! Desculpa, meu amor! – Sua voz saiu misturada com as lágrimas. Ele sorriu.
- Ei, nada de choro... Eu vou te ligar. Boa viagem, viu? Até breve! – Sua voz era doce, suave. Lenny sorriu e desligou. Helena sorriu e abraçaram-se, as duas com a felicidade estampada nos rostos. Enfim, a paixonite de adolescente por um grupo famoso estava ficando séria demais, muito além do que elas poderiam ter imaginado...e a aventura estava apenas começando!


CONTINUA.........

 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

24 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Ter Jul 23 2013, 13:25

lilianrocha

avatar
Fics
Fics
Capítulo 3
 
Ano de 1986. Três meses depois da excursão ao Brasil, iria começar uma excursão do grupo pela Europa. Os garotos falavam sempre com as meninas, pelo telefone. Lenny ia tocando sua vida, estudando muito no cursinho, prestaria vestibular no final daquele ano, para Comunicação, e queria muito passar, mas ao mesmo tempo, as promessas de Robby no telefone, de ficarem juntos, delas juntarem-se ao grupo nas excursões, a deixavam angustiada...sabia que se acontecesse, ela iria, sim, mas...e se aquela loucura não desse certo? Deixaria de cursar o que queria na faculdade, por uma aventura...Não, aquilo tudo era uma loucura, tinha que continuar com os pés no chão...mas, ao mesmo tempo, o amor falava mais alto em si...As lembranças daquela noite mágica a queimavam por dentro, de saudades dele, dos seus beijos, abraços, seu corpo...Ela sentia-se como um viciado! Que loucura... Chegou em casa e encontrou Helena arrumando-se para sair.
- Vai sair, Helena? – A prima deu de ombros, encarando-a com ar chateado.
- Até que nem queria, sabe, Lenny, mas vou ter que ir no escritório do meu pai, pegar um cheque pras últimas despesas.
O telefone tocou. Lenny atendeu, vibrando ao reconhecer a voz.
- Olá, fadinha! – Era Robby, com sua voz sensual e arrepiante. Ela sorriu.
- Oi, meu amor! Onde estão?
- Estamos aqui, em Los Angeles. Pra semana, começaremos uma nova excursão, pela Europa. Estou ligando agora, por quê quero que você e Helena providenciem os passaportes para viajarem. Estou dando um jeito aqui, junto com Chris e queremos vocês aqui conosco, nesta excursão! – Ela quase deixa o fone cair.
- Ir com vocês? Pela Europa? – Helena a encarou. Já ia pegando a bolsa, mas ao ver quem era no telefone, voltou e ficou encarando a prima, vendo-lhe as reações no rosto. Esta última notícia a deixou espantada. Ir pra Europa? Havia escutado certo, mesmo? Lenny continuou. – Mas vocês conseguiram conversar com o produtor, Robby, ele permitiu?
- Não, fadinha, ainda não conversamos...mas teremos uma reunião com ele ainda esta semana, para tratar de...alguns detalhes do nosso contrato, para renovar e aí...é que entraremos com o assunto de vocês duas...Confie em mim, nós iremos conseguir! Mas é necessário que vocês já fiquem com tudo organizado, por quê assim que combinarmos, vocês virão logo, não é isso?
Ela repetiu algumas coisas para Helena, que sorriu, batendo as mãos, concordando. Lenny sorriu também e respondeu:
- Está bem, Robby, assim que vocês confirmarem, nós iremos! – “E seja o que Deus quiser!” Ela pensou.
E assim passou a semana. Lenny e Helena saíram para resolverem os passaportes e foram ao shopping mais badalado da cidade, para comprarem algumas roupas novas que levariam na viagem, afinal, estariam em excursão com o grupo mais famoso da atualidade...Não poderiam fazer feio!
- Lenny, já pensou quando as nossas amigas nos virem nas revistas, nos jornais, nos noticiários do mundo todo junto ao Mind? Vão todas morrerem! – E riram.
- Helena! Eu juro que não tenho coragem de contar sobre isso a ninguém. Se eu mesma acho tudo uma grande loucura, imagine as pessoas! Meu Deus! Sinto tanto medo desse passo que estamos dando...Não será tudo grande demais pra nós duas, não? – Essa insegurança de Lenny irritava Helena.
- Pára com isso, Lenny! Já está agourando antes mesmo de irmos? É claro que vai dar certo! Seremos....aliás, já somos, namoradas dos gatos do Mind! Quer mais? – Ela sorria. Lenny acabava contagiada pela alegria da prima e as promessas do namorado distante, que acabava relaxando e não pensava mais em pessimismos.
Em Los Angeles, Jonhy, o produtor do Mind, estava no escritório olhando algumas contas, faltava apenas uma semana para o grupo estrear em Madri, Espanha, a primeira parada do Grupo na Europa. Haviam alguns detalhes para serem acertados, inclusive a renovação do contrato de alguns integrantes, entre eles, Robby, sua maior estrela! Estavam estremecidos desde a última viagem na excursão ao Brasil, quando ele, ao entrar no quarto dos garotos, encontrou Robby na cama com uma garota, dormindo juntos...observando o contrato que tinha nas mãos, lembrou-se daquela noite...
O rapaz havia esquecido de trancar a porta e como Jonhy já estava acostumado a entrar nos quartos sem bater, para acordá-los, espantou-se ao ver a cena. Com o barulho da porta ao abrir-se, Robby despertou e levantou-se, assustado, cobrindo a garota e levantando-se. Jonhy apenas o olhou feio e fez sinal de que ele o acompanhasse, o que deu tempo apenas dele colocar a camisa e saíram, até o quarto do produtor. Ao entrarem, encararam-se, ansiosos.

- Posso saber o que significa o que acabei de ver lá no quarto, Sr. Robert Crow? – Ele estava furioso. Robby o encarou, seguro

.- Eu dormi com uma garota que conheci no show, lá na Capital, e nos apaixonamos. Hoje eu a vi aqui, no show. Eu a chamei para vir ao hotel e conseguimos passar a noite juntos, foi isso!
- Sem me comunicar? Sem a minha permissão? Ficou louco? Eu sou o responsável por vocês, pelo show, pela excursão, por tudo, caramba! Já pensou se algo acontece com vocês, ou mesmo com ela? Vocês são garotos, menores de idade! Não quero encrencas com a Justiça, com os pais de vocês!
Ele falava, furioso. Robby estava encostado na parede, com os braços cruzados, a cabeça na altura dos ombros, olhar perdido. Sabia que Jonhy tinha razão, foi uma loucura! Mas ele não se arrependia! Fora uma noite mágica, com Lenny. Jonhy parou e falou, encarando-o.
- Já aconteceu outras vezes nessa excursão com mais alguém?
- Aconteceu comigo e...com o Chris! Ele também estava com alguém! – Jonhy levou a mão à cabeça.
- Meu Deus! Debaixo das minhas barbas...Como eu não vi isso acontecendo? Quem está acobertando vocês dois? O Mirco? O Brian?
- Nenhum dos dois, Jonhy...Nós armamos pra trazer as garotas...Apenas isso...Creia, não foi nada de mais...Elas não são garotas de programa! São apenas fãs, apaixonadas por nós dois. São duas primas, que estavam no show lá na Capital e conseguiram se aproximar de nós. Acontece que nós dois nos encantamos por elas e hoje, ao nos encontrarmos com elas, novamente, acabamos trazendo-as para cá. Foi isso, o que aconteceu!
E assim, discutiram por um longo tempo ainda. Mas as meninas foram embora sem que ele as visse ou conversasse com elas...Ainda conversara com Chris, naquele dia, que confessou que também estava com uma garota! Jonhy estava furioso com os dois...mas como as garotas já haviam ido embora e ele não tinha mais nada a fazer, e como já iriam partir naquele mesmo dia de volta aos EUA, resolveu esquecer o assunto, porém Robby passou a tratá-lo com mais distanciamento do que o comum para ambos.

 


_________________________
You remember a one day....One day in your life!!!


Cumprimentos.net - faça uma montagem de foto

25 Re: [FINALIZADA] Ainda há tempo?? em Sex Jul 26 2013, 12:05

Luiza Joe Jackson

avatar
Super Fã
Super Fã
Continua Wink

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 9]

Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum